quarta-feira, 15 de julho de 2015

Vida Saudável: TRX

Julho tá puxado por aqui, gente! É tanto trabalho que tô sem tempo pra postar tanto quanto gostaria aqui no blog! Mas não podia deixar de trazer mais essa dica fitness aqui pra vocês. 

Vocês já ouviram falar em TRX? É incrível como todo mundo com quem eu falo sobre o assunto, fica "mas plmdds, o que é isso, Lari?". E é fácil, TRX é um treino funcional feito com fitas em suspensão. Eu já tinha uma noção do que era, antes de começar a fazer, porque sigo a Gabriela Pugliesi no instagram pra me motivar. Hahaha Ela é uma das adeptas do treino.

Mas, eu só fui começar a fazer ele no ano passado, no meu intercâmbio. Um amigo que é educador físico e é especializado nesses treinos com TRX, Francisco Gabineski, tinha levado a fita dele pra Portugal e lá passou algumas dicas pra gente (abraço, Chico!). É incrível como traz resultado! 


A atividade é feita com o peso do próprio corpo e exercita vários músculos ao mesmo tempo. Tem muita gente que tem a ideia erradíssima de que os exercícios com o peso do corpo não são tão puxados, mas é como disse a professora Elaine Pantoja, da academia feminina Toning System, "nem todos temos consciência do peso que nosso corpo tem, a aula é bem pesada, porque fazemos trabalhos de isometria, agachamento, supino, apoio, abdominais, entre outras coisas".

Além da força, a flexibilidade, a estabilidade e o equilíbrio são trabalhados nos exercícios. Fora que tem um alto gasto calórico em pouco tempo: são cerca de 600 calorias perdidas em uma aula de 40 minutos!


E todo mundo pode fazer, viu? A dificuldade do treinamento suspenso é ajustada de acordo com a necessidade para que os efeitos apareçam logo e de forma segura, sempre! Mas para que os resultados apareçam, é preciso fazer a atividade com uma frequência de 2 a 3 vezes por semana. 

Fotos: Larissa Andrade

E não subestimem essa fitinha, o TRX foi um dos treinos mais cansativos que já fiz! Bem mais do que musculação, acredite. Comecem a investir no treino suspenso e depois me falem o que vocês acharam!

Nenhum comentário:

Postar um comentário