sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Ser Digital Influencer tá na moda!


Todo mundo tá mais do que cansado de saber que os tempos são outros, as coisas estão mudando e pra melhor, pra mais perto da gente! Um caso muito claro é a própria moda que, antes, láááá no início da sua história, era algo muito exclusivo, pra poucos. As tendências eram ditadas pelas grandes casas de moda de Paris e eram divulgadas através de revistas, tempos depois de seus lançamentos nos desfiles. Hoje, vários blogs e influenciadores digitais também representam esse papel e de uma forma muuuito mais instantânea.

Já ouviu falar no termo Digital Influencer?

Pois é, eles estão super na moda! Porque são pessoas completamente gente como a gente que se transformaram em verdadeiras celebridades da web. Elas se destacam nas mídias sociais por terem um grande número de seguidores ou fãs que se inspiram com o conteúdo que são compartilhados por essa galera.


Acho que eu nem preciso falar que quando o assunto é moda, a gente tá muito bem servido desses influenciadores. As blogueiras são um ótimo exemplo. Quem aí já ouviu falar de Camila Coutinho, Thassia Naves, Bruna Vieira, Camila Coelho e várias outras? Se você é fã do tema, tenho certeza que pelo menos um desses nomes é um velho conhecido seu.

Camila Coelho, Camila Coutinho, Lala Rudge, Thassia Naves e Helena Bordon. Foto: Revista Glamour

A Alaina Paisan, uma das palestrantes convidadas para o Amazon Content, vai falar sobre o poder desses influenciadores (ainda não sabe sobre o Amazon Content? Confere aqui). Conversei com ela sobre o assunto e não deu outra: esse tipo de mídia só tem a crescer. Isso porque a nossa geração é superconectada, então nada mais natural do que se identificar com essas pessoas que falam de igual pra igual com a gente. Elas também têm uma rotina, elas também têm trabalho, família, animais de estimação e, o melhor, estão dialogando com a gente!

Ainda existe certa resistência pelas empresas mais tradicionais de trabalharem com esse novo formato de mídia. ​"A velocidade em que tudo acontece na internet é um desafio. As empresas clientes, em geral, estão habituadas com um formato muito lento e burocrático de planejamento de mídia. Do meu ponto de vista e das experiências que eu tive esta é a segunda maior dificuldade. A primeira ainda é convencer o cliente de que trabalhar com blogs faz parte da estratégia de marca, necessita de investimentos e profissionalismo e não é só enviar presentinhos". Pras marcas que já estão acreditando nos Digital Influencers como mídia, as vantagens são ainda maiores: "mais pessoas conhecem a marca e a identificam como uma marca que pode entrar no seu dia a dia de consumo. Isto significa que os blogs geram consumidores em potencial". 


O profissionalismo, nessa e em qualquer outra profissão, é essencial, porque nem só de rostinho bonito se vive, gente! Tem que produzir conteúdo relevante, sim! Isso vai ser um ponto muito importante para que uma empresa escolha o influenciador ideal pra representá-lo. "A escolha dos blogs que irão compor o universo da marca precisa considerar vários fatores que variam de cliente para cliente. Mas existem três que são o tripé básico: universo de influência, alinhamento com os valores da marca e budget". 

Agora separem o caderno e a caneta que vem dica boa! Pra quem quer ter um blog ou quer dar aquela valorizada nas redes sociais a ponto de se tornar um Digital Influencer, a Alaina dá duas dicas sensacionais: "primeira dica e uma dica muito importante é: tenha um CNPJ! Por várias vezes não pudemos realizar ações com blogs maravilhosos porque não emitem nota fiscal. Um dos fatores que separa os blogs amadores dos profissionais é isto. Especialmente para marcas grandes. Outra dica é pensar em conteúdos customizados. Pensem fora da caixinha banner-publi-review​. Isso é o que todo blog tem que oferecer, ofereça coisas diferentes! E-books, exposições, projetos envolvendo blogs parceiros, etc. A internet é generosa demais e precisamos explorar possibilidades. É por este motivo que alguns poucos se destacam". 



Tudo anotado, agora chegou a hora de arregaçar as mangas e correr atrás! Quem quiser aprender um pouco mais sobre o assunto, não perde a palestra 'Gente como a gente: o poder dos blogs!', da Alaina Paisan. Não dá bobeira e se inscreve logo no site! A gente te espera no Amazon Content!

9 comentários:

  1. Amei o post, sempre tive dúvidas sobre esse assunto!
    Bjs
    www.coisinhasdalarys.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Muito legal esse post, explica certinho como é o trabalho de uma digital influencer.

    ResponderExcluir
  3. Tá de parabens... nem sabia que isso existia ... sou designer grafia e blogueiras tem desconto caso precise de alguma coisa.. só chamar

    ResponderExcluir
  4. Gostei bastante do post Lari, em minhas postagens antigas,eu usava o ter webcelebs ou webcelebridades, mas acho que agora Digital Influencer caiu melhor,muito bom o seu post,não só eu,mas também, muita gente tem essa dúvida, de qual termo é mais adequado

    ResponderExcluir
  5. Muito legal o post, adorei as dicas!

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito, os youtubers são os maiores influencers agora no Brasil

    ResponderExcluir
  7. Adorei o post!
    Beijos
    Diana
    www.elainspira.com.br

    ResponderExcluir